A hora e a vez dos games mobile

Como o mercado de jogos para celular atravessou até mesmo o cenário da pandemia e pode ver suas receitas crescerem em um momento tão incerto para a indústria do entretenimento

Foto: ScreenPost/Unsplash

Diversão a qualquer hora, a qualquer lugar. Na palma da sua mão. Diferente dos games rodados em consoles tradicionais – aparelhos robustos e ligados na televisão -, a experiência dos jogos no celular (conhecidos na indústria por mobile games) tem se tornado cada vez mais vantajosa e flexível para usuários convencionais. E mesmo em um cenário de recessão econômica devido aos impactos da Covid-19, o mercado de jogos para celular vai continuar crescendo.

É o que publicou a Newzoo, empresa referência internacional na condução de pesquisas sobre a indústria dos games, em um artigo que estipula um impacto positivo da pandemia nas receitas de mercado no nicho dos jogos para celular. O estudo prevê que o mercado de ‘jogos mobile’ gere uma receita em torno de 77 bilhões de dólares, um crescimento significativo de 13,13% em relação ao ano passado.

Na visão da analista de mercado gamer, Tiany Gu, o confinamento devido a pandemia fez com que os games – em especial o mobile, aqueles acessados via celulares e tablets – se tornassem uma atividade social para além do seu público alvo, os gamers. Nesse caso, pessoas com diferentes idades e hobbies, encontraram nos jogos online uma fuga para preencher o tempo durante o isolamento social.

Em entrevista para a Cult, o estudante de design de games Nosor Fernando revela que a ascensão do nicho do mercado mobile está associada com dois fatores: a acessibilidade e os avanços tecnológicos no campo dos desenvolvedores. “Conforme os jogos vão se desenvolvendo, são criadas tecnologias de otimização que favorecem o mercado. Antigamente era impensável um jogo com 100 jogadores rodando em um computador de entrada, muito menos em um celular.” afirma.

O sucesso dos mobile games crescem de forma avassaladora. No segundo semestre de 2019, o Youtube lançou, através da plataforma “Youtube Gaming”, um ranking com os jogos mais populares, por tempo assistido, no Brasil naquele ano. Na lista, cinco dos dez games estão disponíveis para download nas lojas de aplicativos de smartphones – sendo dois deles games exclusivos para dispositivos móveis- , demonstrando que a popularidade e o potencial de mercado dos jogos mobile já são uma realidade no país.

O artigo publicado pela Newzoo também leva em consideração um desafio para as empresas do setor: converter os novos jogadores em consumidores. Afinal, esse novo público que aumentou o tempo de tela dedicado aos jogos de celular durante o isolamento social, ainda não se tornou, necessariamente, um cliente que investe dinheiro dentro dos games – tendo em vista que os jogos para celular são gratuitos para download.

“Diversos jogos que estão em alta agora são os jogos free-to-play [gratuitos para jogar], que oferecem recursos cosméticos pagos in-game [dentro do jogo], mas que não fazem diferença real durante a jogatina. Isso chama a atenção de muita gente por oferecer uma experiência balanceada para o jogador.” conclui Fernando.

De acordo com a pesquisa, outras plataformas que devem gerar um crescimento nas receitas devido aos games mobile são as lojas de aplicativos. As duas principais lojas do mercado, Google Play e App Store, tem uma estimativa de receita para o setor de games para esse ano avaliadas em, respectivamente, 27.8 bilhões de dólares (aumento de 15% em relação a 2019) e 38.8 bilhões de dólares (aumento de 10,3% em relação ao ano anterior).

Preparem-se para a nova realidade e apostem suas fichas: a indústria dos games nunca foi tão competitiva para o setor do entretenimento como é hoje. E essa batalha está apenas começando.

 

Por Communicare Jr. | Matheus Dias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Políticas de Privacidade e Termos e condições, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.