86% dos empresários defendem a abertura do comércio em Uberlândia 

CDL Uberlândia, Aciub, Abrasel, Fiemg e Sindtur assinaram uma carta aberta ao prefeito de Uberlândia, Odelmo Leão solicitando um novo programa de abertura do comércio

Desde que a pandemia chegou ao Brasil, muitas empresas fecharam e, consequentemente, muitas pessoas perderam o emprego. Nesse caminho, ainda outras tentam sobreviver ao abre e fecha, aos lockdown, as mudanças advindas para manter as pessoas em casa e frear a doença. Ha opiniões controversas sobre até que ponto o comércio contribui ou não para o  avanço da pandemia, mas o fato é que 86% dos empresários defendem à abertura imediata das empresas, respeitando todas as normas de higiene e saúde, independente do decreto vigente, segundo a pesquisa realizada pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Uberlândia, entre os dias 18 e 22 de março, com cerca de 3 mil empresários da cidade. O objetivo da pesquisa é avaliar o nível de satisfação das empresas com relação às restrições impostas às atividades econômicas.

A pesquisa revelou que 91% das empresas são favoráveis à abertura rápida, planejada e contínua dos negócios e estruturada pelo Comitê de Enfrentamento à Crise, e apenas 13% concordam com a continuidade das restrições do comércio e serviços em vigor.

O  presidente da CDL Uberlândia, Cicero Heraldo Novaes salientou que, apesar de estarem cumprindo todas as normativas quanto à saúde e higiene em seus estabelecimentos, as empresas têm sofrido restrições e contenções impostas pelo poder público, imputando as mesmas todas as formas de prejuízos e desintegrações, quanto à sua capacidade de subsistência. “Entendemos que a culpa pelo aumento da propagação da doença, se dá principalmente pelas aglomerações em festas clandestinas, transportes coletivos, migrações, filas e outras situações do gênero”, disse.

Por isso, de acordo com Cícero, a CDL Uberlândia, em conjunto com outras entidades representativas da cidade, publicou uma carta aberta ao prefeito Odelmo Leão, solicitando um programa emergencial de abertura imediata de todas as atividades econômicas, com sugestões para solucionar a situação, respeitando as normas de segurança e saúde determinadas pelos órgãos competentes.

“Acreditamos que a economia e a saúde devem ser equiparadas nas ações e tomadas de decisões, assim como a sociedade deve se preocupar com os problemas que atingem os mais necessitados”, ponderou o presidente Cícero Heraldo Novaes.

A carta aberta direcionado ao Executivo Municipal está disponibilizado nos canais oficiais da entidade (https://cdludi.org.br/carta-aberta-ao-prefeito-de-uberlandia-odelmo-leao

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Políticas de Privacidade e Termos e condições, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.