Outubro Rosa: acompanhamento psicológico pode fazer a diferença no tratamento do câncer de mama

O Outubro Rosa marca o mês da conscientização sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama. Dentre os diversos pontos que a campanha destaca, cresce a discussão sobre a  diferença que um acompanhamento psicológico pode garantir para aquelas mulheres que lidam com a doença. Neste sentido, diversas ações podem ser tomadas para garantir apoio e suporte, como consultas psicológicas, grupos de apoio, informação e mais. O professor do Centro Universitário Una Uberlândia, que faz parte do ecossistema Ânima Educação, Saulo Magalhães, comenta como este acompanhamento profissional pode ajudar positivamente as mulheres:

“Desde o diagnóstico, a trajetória no tratamento do câncer é repleta de desafios nos âmbitos médicos, econômicos e também pessoais, e o impacto psicológico destas questões na vida da paciente precisam ser assistidos”. Para Saulo é preciso ficar atento aos sinais. “É um processo difícil e um diagnóstico que muitas vezes vem acompanhado de estigmas muito grandes que trazem medo, inseguranças e ainda outras preocupações que vão além do quadro clínico. Por isso, um dos primeiros passos é ficar atento a qualquer sinal demonstrado pela paciente que possa indicar um quadro de depressão ou ansiedade”, reforçou.

Saulo comenta que um acompanhamento adequado do ponto de vista psicológico, pode colaborar para que a mulher passe pelo tratamento de forma mais tranquila e confiante. “Neste sentido, podemos ajudar estas mulheres a entenderem e lidarem com seus medos, vencerem os traumas e os ‘fantasmas mentais’ que surgem eventualmente. Além disso, na luta contra o câncer, o apoio psicológico também significa a busca por um equilíbrio emocional e uma jornada de autoconhecimento que trará benefícios não só durante o tratamento, mas para toda a vida da paciente”, explica.

Por fim, o profissional reforça que o acolhimento e a escuta devem sempre trabalhar com a realidade, inclusive em relação à autoestima feminina. “Estando ciente do que o câncer significa, os processos que serão necessários e os efeitos que eles podem ter, como a queda do cabelo e emagrecimento, a mulher pode se sentir mais preparada para superar este outro obstáculo na luta contra o câncer. Por isso, é importante destacar durante o Outubro Rosa a relevância de um acompanhamento psicológico profissional, as oportunidades de grupos de apoio e uma sólida rede de apoio”, finaliza.

Una promove orientações nutricionais, psicológicas, odontológicas e fisioterápicas para pacientes oncológicos

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), somente para este ano, é esperado que sejam diagnosticados mais de 66 mil novos casos de câncer de mama no Brasil. Para discutir a importância da prevenção, cuidados e apoio psicológico, a Una Uberlândia contará com duas ações envolvendo a campanha, o que segundo a coordenadora de cursos, Nayara Rúbio Diniz Del Nero, reforça o compromisso da Faculdade em levar informação à comunidade. “Nosso objetivo foi planejar um momento de conhecimento, inclusão e diversidade, além de envolver nossos estudantes em atividades que contribuem de diferentes maneiras para a formação deles. Neste mês, a Una completa 60 anos, e iniciativas como essa comprovam o compromisso da Faculdade em abraçar alunos e comunidade”, pontua.

Nesta quarta (20), às 19h, o professor Saulo Magalhães, comanda uma roda de conversa com a presença dos médicos do Hospital do Câncer em Uberlândia, o mastologista, Marcelo Holanda, e de Glauco Silveira, que é oncologista. O objetivo do encontro “O câncer de mama e a Promoção da Saúde” é colocar em pauta a conscientização da doença, a importância dos exames de rastreamento e apoio psicológico para as pacientes. No dia, também haverá orientações sobre cuidados odontológicos voltados para os pacientes oncológicos nas áreas de nutrição, psicologia, odontologia e fisioterapia, com o objetivo de contribuir com a manutenção do bem-estar das mulheres que enfrentam o câncer. Os interessados em participar já podem fazer as inscrições na Una Uberlândia, localizada na Alameda Paulina Margonari, número 59.

Por fim, a Faculdade recebe em sua sede a exposição de 40 lenços produzidos pelo Projeto Professor Artista. Os materiais foram pintados de forma totalmente manual e serão destinados a pacientes em tratamento contra o câncer, e a comunidade pode conferir a exibição até o dia 29 de outubro, de segunda à sexta, das 13h às 21h.

Sobre a Ânima Educação

Com o propósito de ‘Transformar o Brasil pela Educação’, a Ânima Educação é o maior ecossistema de educação de qualidade do país, com um portfólio de marcas valiosas e um dos principais players de educação continuada na área médica. A companhia é formada por uma comunidade de aprendizagem com cerca de 350 mil pessoas, composta por mais de 330 mil estudantes e 18 mil educadores, distribuídos em 18 instituições de ensino superior. Está presente em 12 estados, nas regiões Sudeste, Sul, Nordeste e Centro-Oeste, e em quase 550 polos de ensino digital por todo o Brasil. Integradas também ao Ecossistema Ânima estão oito marcas especialistas em suas áreas de atuação, como HSM, HSM University, EBRADI (Escola Brasileira de Direito), Le Cordon Bleu (SP), SingularityU Brazil, Inspirali e Learning Village, primeiro hub de inovação e educação da América Latina, além do Instituto Ânima.

Em 2021, a Ânima foi destaque no Guia ESG da revista Exame como uma das vencedoras na categoria Educação. Em 2020, foi reconhecida como uma das cinco Empresas mais Inovadoras do País, na categoria Serviço, de acordo com o Anuário de Inovação do Valor Econômico; e conquistou, em 2019, o prêmio Mulheres na Liderança, na categoria Educação, iniciativa da ONG Women in Leadership in Latin America (WILL). Desde 2013, a companhia está na Bolsa de Valores, no segmento de Novo Mercado, considerado o de mais elevado grau de governança corporativa.

Sobre a Una

Com 60 anos de tradição em ensino superior, a Una atua em Minas Gerais e Goiás, oferecendo mais de 60 opções de cursos de graduação além da pós-graduação. Posicionada entre os melhores centros universitários do país, pelo MEC, é destaque na edição 2019 do Guia da Faculdade, iniciativa da Quero Educação com o jornal O Estado de São Paulo. Pelo ranking, a maioria dos seus cursos foi classificada positivamente com 3 e 4 estrelas. A instituição preza pela qualidade acadêmica e oferece projetos de extensão universitária que reforçam seus pilares de inclusão, acessibilidade e empregabilidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Políticas de Privacidade e Termos e condições, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.