Brasil registrou um estupro a cada dez minutos em 2021

“Ser mulher é descobrir a força diariamente. É necessário uma força muito grande. Ser mulher é ser forte, ser mulher é levantar, a cada dia e entender que, às vezes, só não é um dia bom. Nem tudo é lindo, nem tudo é admirável. Mas entender a força que uma mulher tem, isso é admirável.”

Em uma carta aberta que comoveu o país, Klara Castanho revelou que foi estuprada, ficou grávida e passou por todos os procedimentos legais para entregar a criança para adoção. Mesmo assim a atriz foi alvo de criticas nas redes sociais. O mesmo sofrimento da atriz foi vivido, a cada 10 minutos, por uma mulher no país. O Brasil registrou 56.098 estupros de mulheres ao longo de 2021, de acordo com dados divulgados pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública. O número do ano passado é 3,7% maior em relação ao ano anterior e equivale a um caso a cada dez minutos no País. De 2019 a 2021, o Brasil teve 73.442 estupros com vítimas de 0 a 17 anos. Apesar dos números assustadores, muitos casos não são notificados, por medo ou pela vergonha da vítima em ter que se passar por toda essa situação.

• Estima-se que, a cada ano, 0,26% da população brasileira sofra abuso sexual.

• A vasta maioria dos estupros não é relatada à polícia nem passa pelos hospitais.

• 15% dos estupros envolvem mais de um agressor ao mesmo tempo.

• 90% das vítimas são mulheres e 50% delas são menores de 13 anos. Metade delas são de pele preta ou parda e metade são brancas, ou seja, não é um fenômeno restrito a apenas parte da sociedade, mas sim geral.

• Mais de 70% dos estupros vitimizam crianças e adolescentes.

• 97% dos estupros são cometidos por homens.

• 24,1% dos estupros relatados têm como agressor o pai ou padrasto da vítima.

• 32,3% são amigos ou conhecidos da vítima.

• 20% a 40% dos casos de estupro estão relacionados ao consumo de álcool do agressor.

• Em 34% dos casos as vítimas apresentam estresse pós-traumático e transtornos de comportamento; 0,7% se suicidam.

• De 67% a 80% das crianças e adolescentes, vítimas de estupro, são vitimadas por conhecidos dentro da própria casa.

• Mesmo quando o agressor é um desconhecido, de 20 a 30% dos casos, de estupro a menores de idade ainda assim ocorrem dentro da própria casa da vítima.

• A maior parte das agressões são feitas dentro de casa por parentes, namorados ou amigos/conhecidos da vítima. A probabilidade de o agressor ser um estranho aumenta conforme aumenta a idade da vítima.

• Em 50% dos casos relatados, anualmente, de estupro por conhecidos, as vítimas relatam que já haviam sido estupradas outras vezes. Nos estupros por desconhecidos, esse número é de 15%.

As estatísticas foram extraídas da DATA-SUS e Cerqueira, D., & Coelho, D. D. S. C.. Estupro no Brasil: uma radiografia segundo os dados da Saúde e adaptadas ao conteúdo pela equipe da Revista Cult.

Na política, “dá ou desse.” na vida “dá ou desce.” até quando?

Parabéns às mulheres que denunciaram o assédio sexual na Caixa Econômica Federal. Nós não sabemos seus nomes, mas conhecemos e respeitamos a coragem. Sabemos como foi difícil passar por tudo o que vocês passaram. Os assédios, as pressões, as ameaças. E a força que foi necessária para romper o silêncio e fazer as denúncias. Conhecemos os desafios que aparecem ao enfrentarmos um homem em posição de poder, que usa a sua força e o seu cargo para constranger e calar as pessoas. Mas vocês falaram. Vocês foram às autoridades, contaram suas histórias, mostraram sua verdade. O medo de falar é enorme, sabemos. Mas a coragem para romper o silêncio é maior ainda.

E como foi importante revelar a verdade e desafiar o poder. Ao fazer isso, vocês não apenas se defenderam, mas protegeram outras mulheres que poderiam ser vítimas do mesmo assédio.

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, durante cerimônia alusiva à marca de 100 milhões de poupanças sociais digitais Caixa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Políticas de Privacidade e Termos e condições, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.