Visita ao ateliê de Gilson Carrijo

Suas peças são inspiradas nas obras de pintores e arquitetos, as linhas são referências para utensílios domésticos variados, objetos de decoração e esculturas

Cercados de livros e obras de artes, a Revista Cult bateu um papo com o artista plástico Gilson Goulart Carrijo em seu ateliê, localizado em Uberlândia. O artesão cursou graduação e mestrado em História, na Universidade Federal de Uberlândia (UFU), e doutorado em Multimeios, na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Seu pós-doc também foi realizado na UFU.

A preocupação com a imagem (teoria e prática) sempre esteve presente na sua formação. Iniciou os estudos sobre fotografia, tornou-se fotógrafo e professor nos cursos de Jornalismo e Cinema, na cidade de Uberlândia. Deixou as salas de aula para finalizar o doutorado, com período sanduíche na Itália, desenvolvendo um trabalho no campo da fotoetnografia. Quando defendeu sua tese, decidiu investir na área do Cinema, articulando a produção fílmica com a Antropologia.

A arte e seus modos de afetar as sensibilidades humanas sempre foi um interesse de pesquisa e de intervenção. Assim, sua inserção nos modos de moldar o barro se deu pelo fascínio dos processos, produzidos pela interação entre material bruto (a argila, o esmalte) e a potência do calor, que transforma cada peça numa surpresa. Gilson Carrijo se considera um aprendiz nesse caminho, mas possui um ateliê onde desenvolve pesquisa sobre esmaltes (composição) e temperatura (exposição), enquanto fabrica peças que encantam os desavisados.

Suas peças são inspiradas nas obras de pintores e arquitetos, as linhas são referências para utensílios domésticos variados, objetos de decoração e esculturas.

Entre os utensílios domésticos, as xícaras, os pratos, as travessas e as panelas convidam para a composição de mesas, que relembram a importância do ritual de alimentação nas diferentes sociedades e, que este não cumpre apenas a função de sobrevivência, demarcando o prazer do encontro, o refinamento do belo e a delicadeza do ato de compartilhar o alimento.

As obras do artista são exclusivas, uma excelente oportunidade para colecionar e presentear!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Políticas de Privacidade e Termos e condições, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.